Catolicismo n° 273, setembro de 1973
Revista Catolicismo
Busca Google dentro do Site:
«
»
<<       Página       >>


A QUEDA DE ALLENDE, HORA DE JÚBILO PARA OS QUE LUTAM PELA CIVILIZAÇÃO CRISTÃ

No momento em que encerramos a presente edição, a ordem vai sendo restabelecida no Chile. Derrubado o regime marxista, vão os militares pondo o país em condições de recuperar-se.

Chegou, pois, a hora da reflexão fria e lúcida em que as responsabilidades pelo drama chileno devem ser apuradas. E a linha geral dos fatos mostra que os principais culpados são os "kerenskys" que conduziram Allende ao poder, e nele o mantiveram: o Clero progressista, com o Cardeal Silva Henríquez à frente, a Democracia-Cristã de Eduardo Frei, e a "saparia", ou seja, os setores esquerdistas da burguesia.

Instalada no governo, a seita marxista arrastou o Chile para o caos, a ruína econômica e a opressão, consequências inevitáveis da aplicação de sua doutrina. Sobrevieram então as Forças Armadas e, numa ação rápida e precisa, afastaram do poder os sectários que conduziam o país à aniquilação total. Salvador Allende suicidou-se com a metralhadora que lhe presenteara Fidel Castro, num gesto que evidencia de quão pouca utilidade lhe foi a Bíblia que pressurosamente lhe ofertara o Cardeal-Arcebispo de Santiago, por ocasião de sua posse (foto ao lado).

A derrocada do marxismo no Chile representa um duro golpe para o movimento comunista em todo o mundo. Daí o clamor universal das esquerdas contra a intervenção dos militares, e o júbilo de quantos lutam para preservar os valores da civilização cristã.

A TFP, tão logo se confirmaram as notícias da queda do governo marxista chileno, promoveu em São Paulo um expressivo ato de regozijo, do qual participaram, como convidados de honra, diretores e militantes da Sociedade Chilena de Defesa da Tradição, Família e Propriedade que se encontravam naquela capital (foto de baixo). A TFP brasileira emitiu, na ocasião, um comunicado a respeito. Também se pronunciaram, em Santiago e em Buenos Aires, as entidades congêneres chilena e argentina (pág.3 e pág.6).



Advertência

Este texto, reconhecido pelo processo OCR, não passou por revisão e pode conter erros de digitação.
Sua transcrição parcial ou total está autorizada, desde que seja citada a fonte e o texto conferido com o da imagem original.

Agradecemos desde já reportar-nos erros de digitação, através do
Fale conosco


CRÉDITOS
© Copyright 1951 -

Editora Padre Belchior de Pontes Ltda.

Diretor
Paulo Corrêa de Brito Filho

Jornalista Responsável
Nelson Ramos Barreto
Registro na DRT/DF
sob o nº 3116

Administração
Rua Javaés, 681
1° Andar
Bairro Bom Retiro
CEP 01130-010
São Paulo- SP

SAC
(11) 3331 4522
(11) 3331-4790
(11) 2843-9487

Correspondência
Caixa Postal 707
CEP 01031-970
São Paulo-SP

E-mail:
catolicismo@terra.com.br

ISSN 0102-8502

 HOME 

EDIÇÃO POR

TOPO
 
+ZOOM
-ZOOM
 
HOME PAGE
HOME
 
IR AO TEXTO DA MATÉRIA
TEXTO