CONFERÊNCIA NACIONAL DOS BISPOS DO BRASIL
Rua do Russel, 76 - Caixa Postal, 16085 - ZC-01
Rio de Janeiro - GB.

Tendo em vista o parecer da Comissão
de biblistas, que julgou a presente edição
de "A BIBLIA NA LINGUAGEM DE HOJE - O NOVO
TESTAMENTO" estar de acordo com o texto
original grego, aprovamos o uso da mesma por
todos os católicos de língua portuguesa.


Rio de Janeiro, 10 de junho de 1973.

Pela Comissão Episcopal de Pastoral da
Conferência Nacional dos Bispos do Brasil,
Dom Mario Teixeira Gurgel, SDS
Responsável pelo Setor de Diálogo religioso da CNBB

ESTRANHA APROVAÇÃO DA CNBB PARA UMA BÍBLIA "DESMITIFICADA"

O suave e poético relato que faz São Lucas da Anunciação a Maria e da Encarnação do Verbo tem enlevado os fiéis de todos os tempos e inspirado a arte cristã. Circula em meios católicos do Brasil uma "Bíblia na linguagem de hoje", eivada de ambiguidades e inexatidões, a qual, sob pretexto de empregar a linguagem "que o povo fala", tira todo o caráter elevado e sacral da Escritura, e procura "desmitificar" os santos Personagens, apresentando-os como pessoas vulgares, aos quais dá, até, o tratamento de "você", quer se refira aos Apóstolos, a Nossa Senhora, ou ao próprio Nosso Senhor Jesus Cristo. Nessa tradução "na linguagem de hoje", o relato da Anunciação aparece cheio de insinuações malévolas para com a Virgem Santíssima, para com São José, e, mais ainda, para com o Verbo Encarnado. Nossa honra de católicos nos impõe um ato de desagravo a Nosso Senhor, a sua Mãe Santíssima e a seu Pai nutrício, seguido de alguns reparos que a seriedade do assunto requer. O que se torna ainda mais necessário, visto esta infeliz tradução contar com a aprovação da Comissão de Pastoral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. (PÁGINA 2).

SUMÁRIO

ESTRANHA APROVAÇÃO DA CNBB PARA UMA BÍBLIA DESMITIFICADA [Chamada]
ALGUNS REPAROS A UMA TRADUÇÃO DA BÍBLIA QUE A CNBB APROVOU (Gustavo Antonio Solimeo)
LIÇÕES DA REVOLUÇÃO FRANCESA
- De como se ensaia uma tragédia (Evandro Faustino)
TESTIS FIDELIS - DEZ ANOS DE PRONUNCIAMENTOS DE MONS. MARCEL LEFEBVRE (Homero Barradas)
30 DIAS EM REVISTA
- 650 milhões de católicos, apesar da autodemolição (Homero Barradas)
- Anticlericalismo à direita (Homero Barradas)
- Irlanda contra o divórcio (Homero Barradas)
- Um Kerensky também para a Espanha? (Homero Barradas)
ESCREVEM OS LEITORES
CALICEM DOMINI BIBERUNT
- Em Cluny, história como alimento para as almas (Fernando Furquim de Almeira)
NOVA ET VETERA
- O mundo ocidental de volta à barbárie (Péricles Capanema)
UM TEMA ATUAL: ODIAR O ERRO, MAS AMAR OS QUE ERRAM (Plinio Corrêa de Oliveira)
FUNDADO EM SÃO PAULO O COMITÊ PRÓ LIBERDADE DAS NAÇÕES CATIVAS
VERDADES ESQUECIDAS
- O demônio costuma disfarçar-se em anjo de luz (São Cirilo de Jerusalém)