Catolicismo - Acervo
Busca Google dentro do Site:
« »
<<       Página       >>


AÇÃO CONTRA-REVOLUCIONÁRIA

Curso contra-revolucionário na Polônia

Leonardo Przybysz

Com a presença de 120 participantes e simpatizantes das Sociedades de Defesa da Tradição, Família e Propriedade (TFP) de 20 países, realizou-se de 21 a 25 de agosto no castelo real de Niepolomice (Polônia) o evento anual que denominamos Universidade de Verão. Coube ao Instituto Padre Piotr Skarga, em colaboração com a Federação Pró-Europa Cristã, a organização desses dias de estudos contra-revolucionários.

O curso girou em torno do centenário da profética Mensagem de Fátima, na qual Nossa Senhora falou à Igreja e ao mundo através dos pastorinhos, Lúcia, Jacinta e Francisco.

Os conferencistas — dentre os quais cabe destacar o Duque Paul de Oldenburg, presidente da TFP alemã, Dr. Caio Xavier da Silveira, presidente da Federação Pro Europa Christiana, Slawomir Olejniczak, presidente do Instituto Padre Piotr Skarga, Julio Loredo de Ízcue, presidente da TFP italiana, e José Antonio Ureta, pesquisador da TFP francesa — descortinaram o panorama da crise em que se encontram o mundo e a Igreja, bem como a difusão dos erros da Rússia no mundo inteiro, o anunciado castigo que virá, caso a humanidade não se converta. E, por fim, o triunfo do Imaculado Coração de Maria.

O congresso teve como convidado de honra Dom Athanasius Schneider, bispo-auxiliar de Astana (Cazaquistão). Conhecido defensor da instituição da família, durante a sua exposição ele não conseguiu evitar perguntas sobre a recepção da Sagrada Comunhão por adúlteros, como prevê a Exortação apostólica Amoris Laetitia, concretamente sobre o "discernimento" que o documento papal propõe nos casos de adultério. Eis uma das respostas de Dom Schneider: "O primeiro discernimento foi o diálogo entre Eva e a serpente no Paraíso — procurar discernir ou obedecer a Deus, ou então não obedecer. Eva respondeu: 'Deus nos proibiu comer deste fruto'. E o demônio replicou: 'Neste caso, façamos nós o discernimento'. Hoje já conhecemos o resultado de tal 'discernimento': a catástrofe da humanidade inteira. Continuar o adultério é uma ofensa a Deus; é, pois, um antidiscernimento".

(continua)

Legendas:

- Créditos das fotos que ilustram a página: Stanisław Sadowski / Santiago Laia / Christophe Kedinger.

- Na foto a milagrosa imagem peregrina internacional de Nossa Senhora de Fátima, trazida especialmente dos Estados Unidos, e o Sr. Julio Loredo de Ízcue, presidente da TFP italiana.

- Dom Athanasius Schneider, bispo-auxiliar de Astana (Cazaquistão), convidado de honra.

- Na primeira fileira, da esq. para à dir.: o Duque Paul de Oldenburg, presidente da TFP alemã, Dr. Caio Xavier da Silveira, presidente da Federação Pro Europa Christiana, o Pe. Vilmar Pavesi e Slawomir Olejniczak, presidente do Instituto Padre Piotr Skarga.



Advertência

Este texto, reconhecido pelo processo OCR, não passou por revisão e pode conter erros de digitação.
Sua transcrição parcial ou total está autorizada, desde que seja citada a fonte e o texto conferido com o da imagem original.

Agradecemos desde já reportar-nos erros de digitação, através do
Fale conosco


CRÉDITOS
© Copyright 1951 -

Editora Padre Belchior de Pontes Ltda.

Diretor
Paulo Corrêa de Brito Filho

Jornalista Responsável
Nelson Ramos Barreto
Registro na DRT/DF
sob o nº 3116

Administração
Rua Javaés, 681
1° Andar
Bairro Bom Retiro
CEP 01130-010
São Paulo- SP

SAC
(11) 3331 4522
(11) 3331-4790
(11) 2843-9487

Correspondência
Caixa Postal 707
CEP 01031-970
São Paulo-SP

E-mail:
catolicismo@terra.com.br

ISSN 0102-8502

 HOME 
 
TOPO
+ZOOM
-ZOOM
Home Page
ÍNDICE
Ir ao texto da matéria
TEXTO