Revista Catolicismo
Busca Google dentro do Site:
« »
<<       Página       >>


REALIDADE CONCISAMENTE


Descoberta confirmaria a existência do profeta Isaías

Isaías foi o profeta que mais predições fez sobre a vinda do Messias, a Redenção e a maternidade virginal de Nossa Senhora. Além de seu livro contido na Bíblia, não havia provas materiais de sua vida. Mas pesquisadores israelenses acharam perto do Monte do Templo, em Jerusalém, um selo (ou “bula”) do século VIII a.C., que tem inscrito em hebraico antigo o nome de Isaías e as três primeiras letras da palavra “profeta”. Para a Dra. Mazar, chefe da equipe científica, a inscrição completa diria: Pertencente a Isaías profeta. Além do conteúdo bíblico, seria esta a primeira prova da vida de Isaías, e também de que em vida era reconhecido como profeta.


Cardeal Marx contra a Cruz

O governo regional da Baviera decidiu afixar cruzes em lugares visíveis nos prédios públicos. Contrariando o desejo dos católicos, e causando espanto até mesmo em ateus e anticristãos, o Cardeal Reinhard Marx [foto], Arcebispo de Munique e Presidente da Conferência Episcopal alemã, insurgiu-se contra essa decisão. Ele é um dos próceres do progressismo “católico” ecumênico e estimulador da imigração islâmica. Já vinha se opondo a símbolos católicos como a árvore de Natal e o presépio, sob o pretexto de não ferir os sentimentos dos invasores maometanos. No caso das cruzes em locais públicos, seu pretexto para a oposição foi que a ordem do governo bávaro gerou “animosidade, divisões e distúrbios”. O Cardeal Marx apoia decididamente a distribuição da comunhão a divorciados recasados e a protestantes, e não oculta sua simpatia por outro Marx — o fundador do comunismo. Recentemente recomendou o estudo do marxismo “para se entender a doutrina social da Igreja” (sic!).


China proibiu a venda da Bíblia

Relatório oficial patenteia o renascimento cristão na China, onde já foram impressos mais de 160 milhões de exemplares da Bíblia. Pequim proibiu a venda da Bíblia na Internet, tornando o cristianismo a única religião que não pode vender seus textos sagrados na rede social. A Bíblia impressa só pode ser adquirida em lojas aprovadas pelo regime comunista. Além de intensificar o ensino do marxismo, o presidente Xi Jinping promove religiões pagãs, como o taoísmo e o budismo, modelos da crença que deve ser considerada oficial. “Achinezar” o catolicismo, por meio de um acordo com a Santa Sé, não passa da velha perseguição religiosa anticatólica.


Arrancando “confissões”, como na revolução maoísta

Em 2016, o militante dos direitos humanos Peter Dahlin [foto], “desaparecido” enquanto se deslocava para o aeroporto de Pequim, reapareceu na TV estatal chinesa confessando ter “posto em perigo a segurança do Estado”. Após ser banido do país, ele revelou que sua “confissão” fora forçada. Entre 2013 e 2018 houve 45 “confissões” como essa, divulgadas pela TV. Os “arrependidos” foram forçados pela polícia a executar a iníqua encenação, e receberam um script com instruções sobre quando chorar ou fazer algum gesto desejado pelos torturadores. A mídia oficial colabora com a polícia na montagem. O regime comunista chinês desrespeita os fundamentos de qualquer processo jurídico justo. No caso dos católicos “clandestinos”, Pequim prefere que o Vaticano se encarregue da repressão.


Diante da nova-URSS, Estados Unidos restauram a II Frota

A Segunda Frota dos EUA sulcava as águas do Atlântico Norte durante a Guerra Fria, e agora o Pentágono ordenou sua reativação, para precaver-se de um ataque-surpresa soviético. O anúncio foi feito pelo almirante John Richardson, chefe de operações da Armada americana, a bordo do mais moderno porta-aviões nuclear americano. A decisão acentua a escalada na tensão entre o Ocidente e a “nova-URSS”, no momento em que Vladimir Putin se reelege para mais um período na presidência. Constantes intrusões de bombardeiros estratégicos e submarinos nucleares russos vêm preocupando os países livres, enquanto Moscou se jacta de novos dispositivos nucleares de ataque.


Aquecimento global, a maior “fake news” da História

O aquecimento global antropogênico é a maior, mais difundida e mais persistente fake News. A afirmação é do Dr. Timothy Ball [foto], professor emérito no Departamento de Geografia da Universidade de Winnipeg, Canadá. Segundo ele, os “profetas” do aquecimento global menosprezam ou ignoram pencas de dados do mundo real.


Celulares chineses espionam conversas

O Departamento de Defesa dos EUA proibiu a venda e o uso em suas instalações de celulares das marcas Huawei e ZTE. O Pentágono teria descoberto que esses aparelhos representam “um risco inaceitável”, pois serviriam à espionagem chinesa. O Pentágono apoiou tal decisão em audiência no Senado, da qual participaram os responsáveis máximos pelas agências de segurança e de inteligência do país, incluídas a CIA e o FBI. Todos coincidiram em apontar que esses produtos fabricados na China estão sendo utilizados por Pequim para espionar informações confidenciais.


Na França, muçulmanos se convertem ao catolicismo

Na vigília da Páscoa, mais de 4.250 adultos franceses (40% acima do ano passado) receberam o batismo na Igreja Católica. Dentre eles, 280 renunciaram ao islamismo, número que vem crescendo nos últimos anos. Migrantes muçulmanos chegam de países onde não há liberdade religiosa, e na França se convertem. A renúncia ao Islã é arriscada, pois o Corão a condena como apostasia intolerável, merecendo morte imediata e sem julgamento. Por isso não se revela o número total de ex-maometanos batizados anualmente.



Advertência

Este texto, reconhecido pelo processo OCR, não passou por revisão e pode conter erros de digitação.
Sua transcrição parcial ou total está autorizada, desde que seja citada a fonte e o texto conferido com o da imagem original.

Agradecemos desde já reportar-nos erros de digitação, através do
Fale conosco


CRÉDITOS
© Copyright 1951 -

Editora Padre Belchior de Pontes Ltda.

Diretor
Paulo Corrêa de Brito Filho

Jornalista Responsável
Nelson Ramos Barreto
Registro na DRT/DF
sob o nº 3116

Administração
Rua Javaés, 681
1° Andar
Bairro Bom Retiro
CEP 01130-010
São Paulo- SP

SAC
(11) 3331 4522
(11) 3331-4790
(11) 2843-9487

Correspondência
Caixa Postal 707
CEP 01031-970
São Paulo-SP

E-mail:
catolicismo@terra.com.br

ISSN 0102-8502

 HOME 

EDIÇÃO POR

TOPO
 
+ZOOM
-ZOOM
 
HOME PAGE
HOME
 
IR AO TEXTO DA MATÉRIA
TEXTO