Fevereiro de 2007
Primeira dama de Uganda: só a castidade é garantia contra a AIDS
Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão
A Realidade Concisamente

Estranha assembléia esotérico-ecológico-esquerdista

Reuniu-se em Brasília o I Foro Espiritual Mundial para “construir uma nova religião planetária”. A “estrela” do evento foi o ex-frade e teólogo da libertação Leonardo Boff, que leu a Carta da Terra, manifesto gnóstico-panteísta que visa estulta e blasfematoriamente substituir os 10 Mandamentos. Espíritas, pajés, monges budistas, astrólogos, teósofos e adeptos de outras superstições misturaram-se sob o patrocínio da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República, do Governo do Distrito Federal e da ONU. Foram palestrantes o ministro do Desenvolvimento Econômico, Social e de Combate à Fome, Patrus Ananias, e ministros do STF. Sincretismo, esoterismo, esquerdismo, e ecologismo trabalham para o mesmo caos universal, que alguns chamam de Nova Era.

Na Romênia, condenação oficial do comunismo

Traian Basescu

O presidente da Romênia, Traian Basescu, condenou oficialmente o socialismo soviético que oprimiu seu país durante quase meio século. É o primeiro chefe de Estado a fazê-lo. Antes tarde do que nunca: em muitos países ex-comunistas nada foi feito, os membros impunes dos PCs se rearticularam e estão no poder sob máscara populista ou de um socialismo mitigado. Basescu afirmou: “O regime exterminou centenas de milhares de pessoas, [...] tratou toda uma população como um grupo de cobaias numa experiência de laboratório”. O socialismo soviético na Romênia mostrou toda sua face: igualitária, sadicamente criminosa e anticatólica.

Primeira dama de Uganda: só a castidade é garantia contra a AIDS

Janet Museveni, primeira dama de Uganda

No Dia Mundial da Luta contra a AIDS, a primeira dama de Uganda, Janet Museveni, fez para os jovens do país um enérgico elogio da castidade como o meio mais eficaz para evitar o contágio. “Não ponham em perigo suas vidas usando instrumentos como os preservativos, indo contra o plano de Deus. [...] Honrem seus corpos como templo de Deus”, disse Museveni. Uganda, pregando a castidade, é dos países mais bem sucedidos no combate à AIDS. Porém, naquele dia o mundo todo teve que assistir, em locais públicos ou na mídia, a manifestações aviltantes em favor dos métodos imorais; que, aliás, não são eficazes contra a AIDS e atraem a ira de Deus.

China reconhece: é a fonte do macabro tráfico de órgãos

Condenados a morte escutam a sentência, em Naning, na China

O governo da China comunista reconheceu que alimenta o macabro mercado negro de órgãos para transplante, extraindo-os de presos executados, sem aprovação dos familiares. Há tempos, médicos chineses arrependidos denunciam esse mórbido tráfico, que inclui a execução de prisioneiros para atender a demanda dos “clientes”. Tal notícia suscita uma reflexão: enquanto a Civilização Cristã cria na Terra um ambiente que prepara as almas para o céu, o socialismo e o comunismo constroem um sistema de vida semelhante ao inferno.

Estado indiano equipara direitos de homens e elefantes!


A Suprema Corte de Justiça do estado de Rajastão (Índia) sentenciou que o elefante é uma “criatura vivente equivalente ao ser humano”, estando em pé de igualdade com o homem, inclusive para efeitos do seguro de vida, informou a agência indiana DNA. Na decisão, pesaram perniciosamente as falsas crenças hinduístas, segundo as quais a alma humana se reencarna sucessivamente em animais e vegetais. Daí um culto à natureza de tipo panteísta, como se vê na foto à esquerda, de populares “rezando” diante de um elefante morto. Até lá chegam os absurdos do paganismo. E até lá quer nos arrastar certo ecologismo radical!

Mesquita de Granada: centro de recrutamento terrorista

A polícia espanhola desvendou na mesquita Darkawia, em Granada (Espanha), um “segredo de polichinelo”: o templo era centro de recrutamento da rede terrorista de Osama Bin Laden e do narcotráfico que a financia. Onze combatentes da jihad (guerra “santa” islamita) foram detidos. O grampo policial gravou conversas nas quais figuram frases como: “Se Bin Laden te manda matar, você tem que ir, você jurou”; “dispara [contra o inimigo] sem medo, gritando 'deus é grande'”; elogios do atentado suicida, porque este levaria ao lúbrico “paraíso de Maomé”; e exortações à imolação “por Deus”. Ainda segundo o diário “ABC” de Madri, em outras gravações o premiê socialista Zapatero é aprovado por ter retirado as tropas espanholas do Iraque.

Espanha: 94% das notas de euros impregnadas de cocaína

Grão de cocaína numa nota de Euro

94% das notas de euros que circulam na Espanha têm traços de cocaína, segundo análise do laboratório catalão Sailab, divulgada pelo diário de Madri “El Mundo”. Os usuários da droga enrolam as notas para formar um canudo, por onde aspiram o pó da cocaína. Na Espanha o governo socialista liberalizou o consumo e porte de drogas. Em vista disso, há cerca de 475.000 cocainômanos “regulares”. Índices análogos de cocaína foram colhidos nas notas em países que despenalizaram o uso e porte da droga: na Alemanha em 2003 e na Grã-Bretanha em 2002, onde também apareceram traços de heroína e ecstasy.

Breves Religiosas

Vaticano reconhece milagre de Frei Galvão

Túmulo de Frei Galvão

O Vaticano aprovou o segundo milagre do Bem-aventurado Frei Galvão e anunciou sua canonização. Frei Galvão, que será o primeiro santo nascido no Brasil, consagrou-se à Imaculada Conceição como “filho e escravo perpétuo”. Foi exemplo vivo do oposto das teologias modernas da emancipação ou da libertação, pregando a mais inteira e radical entrega a Nossa Senhora. O milagre constitui uma das 5.643 graças registradas no Mosteiro da Luz da capital paulista, por ele fundado e onde está enterrado.

 

 

 

China comunista não consegue deter conversões ao catolicismo

O crescimento do número de católicos na China, sobretudo entre jovens, causa alarme no governo comunista, noticiou a agência vaticana AsiaNews. Os batismos em massa tornaram-se freqüentes. A TV oficial Televisão Central da China informou que o mais recente deles realizou-se em Pequim, tendo incluído 165 catecúmenos. A proteção à religião, que consta na Constituição chinesa, é puramente formal. Os católicos que desejam praticar seriamente a religião devem fazê-lo clandestinamente, correndo o risco de violências, prisões e até tortura. Hoje como sempre, o sangue dos mártires é semente de novos católicos. Para desviar os católicos, o governo comunista criou inclusive uma chamada Igreja Patriótica, espécie de caricatura da Igreja Católica, que não aceita o Papado.

Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão