Dezembro de 2016
TFP americana: Centenário de Fátima
Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão
Ação Contra-Revolucionária - 1

TFP americana: preparação para o Centenário de Fátima

 

Francisco José Saidl

 

Nos albores deste século, o Duque Paul de Oldenburg, diretor da Federação pela Europa Cristã, organizou na cidade alemã de Mainz uma recitação pública do Santo Rosário.

Em 2007, por ocasião do 90º. aniversário das aparições de Nossa Senhora em Fátima, a campanha América Needs Fátima, uma iniciativa da TFP norte- americana, colheu essa feliz ideia que, como se verá, se espalhou em pouco tempo como rastilho de pólvora. A entidade estabeleceu uma meta e fixou uma data: o sábado mais próximo a 13 de outubro, quando se comemora a última das aparições da Virgem Santíssima na Cova da Iria.

O segundo passo foi montar um secretariado em Kansas para recrutar voluntários. No primeiro ano, a meta de um milhar de rallies, que parecia ousada, foi largamente superada. Encorajada por tal resultado, a TFP estabeleceu que tais eventos repetir-se-iam nos anos sucessivos. No quadro anexo verificamos as cifras que vêm se sucedendo ano após ano. Para 2016, a perspectiva era conseguir 15 mil voluntários, mas eles totalizaram 16.323.

Com tais resultados, os encarregados da campanha estabeleceram para 2017, ano do Centenário de Fátima, a meta de 20 mil voluntários, o que poderá fazer com que mais de 1 (um) milhão de fiéis participem da recitação do Rosário.

Em outubro próximo passado, o palco da maior concentração foi o centro da cidade de Nova York, em frente à catedral de Saint Patrick, onde uma cópia da imagem peregrina internacional de Nossa Senhora de Fátima, escoltada por membros da TFP, presidiu solenemente o evento. A imagem foi entronizada ao cântico do Ave de Lourdes acompanhado pela fanfarra dos alunos da Academia São Luís Grignion de Montfort da TFP americana.

Dois mil folhetos explicativos foram distribuídos aos transeuntes, convidando-os a se associarem à recitação do Rosário. O folheto explicava a finalidade da Sociedade Americana de Defesa da Tradição, Família e Propriedade (TFP) e a razão da recitação em público do Santo Rosário.

 

Conferência de Dom Athanasius Schneider

Com os olhos postos no ano do centenário das aparições da Santíssima Virgem em Fátima, Sua Excelência Reverendíssima Dom Athanasius Schneider, Bispo Auxiliar de Astana (Cazaquistão), proferiu no dia 20 de outubro último uma palestra para seleto público que lotou o auditório do prestigioso Clube Cosmos, no coração da capital americana.

“A vitória de Maria sobre todas as heresias” foi otema de sua conferência no evento promovido conjuntamente pela TFP Washington Bureau e o Paulus Institute for the Propagation of Sacred Liturgy.

Dom Schneider — que vem sendo solicitado a falar em diferentes países, especialmente para esclarecer os fiéis sobre alguns pontos, depois da grande confusão causada pela Exortação Amoris Laetitia — dissertou sobre a Fé, a salvação e a vasta crise em que se encontra atualmente a Santa Igreja Católica.

Citando numerosos santos que se distinguiram pela piedade mariana, tais como São Luís Maria Grignion de Montfort e São Maxiliamo Kolbe, ele explicou que Maria é o centro da luta contra as heresias: “Estamos assistindo a imensidade do mal que o poder das trevas instalou por toda parte, até os confins da Terra”.

Finalizou encorajando todos a não perderem a esperança e a buscarem refúgio na fé católica e na inigualável proteção da Virgem Santíssima.

 

 

Encontro de Correspondentes e Simpatizantes

Procedentes de vários Estados dessa nação-continente, quase duas centenas de correspondentes e simpatizantes da TFP americana se reuniram nos últimos dias de outubro na sua sede principal em Spring Grove (Pensilvânia). Os temas abordados pelos diversos oradores giraram em torno da atual crise da Igreja e das profecias feitas por Nossa Senhora há 100 anos na Cova da Iria.

Três zelosos sacerdotes deram assistência religiosa, tendo a Santa Missa de encerramento sido celebrada no rito extraordinário na Basílica Nacional do Sagrado Coração de Jesus, em Connewago.

Como nos anos anteriores, S.A.I.R. Dom Bertrand de Orleans e Bragança proferiu palavras de encorajamento aos presentes: Delas, destacamos as seguintes:

“Este encontro foi diferente dos anteriores. Atacamos a Revolução, mas voltamos nossos olhos de modo especial para o futuro: o futuro de Fátima. E o futuro de Fátima é o grande retorno à ordem, ou seja, o Reino de Maria.

“Aproximando-se o centenário das aparições de Fátima, devemos pensar sobre o futuro. Aproxima-se o tempo do cumprimento das promessas de Nossa Senhora. Faz sentido nos reunirmos para debater sobre o futuro de Fátima.

“Isto foi o que fizemos. Foi um fim de semana intenso, permeado de bênçãos e graças. O futuro de Fátima foi o centro de nossas palestras, orações e conversas. Este é o momento para gizarmos o futuro.

“Solicito que levem daqui para seus lares uma mensagem de esperança e um desejo ardente da derrocada da Revolução e a implantação do Reino de Maria, que significa a restauração da sociedade orgânica cristã, como bem definiu o Prof. Plinio Corrêa de Oliveira e está tão bem descrita na obra RETURN TO ORDER. E isto se obterá somente com grande esforço.

“Fazemos parte da Igreja Militante. Nossa luta se reveste de um caráter ainda mais necessário em face da trágica situação em que se encontra atualmente a Santa Igreja Católica Apostólica Romana.

“Cada um de nós tem um papel a desempenhar nessa batalha. Não devemos nos contentar com uma pequena vitória. Devemos aspirar ao triunfo. E Nossa Senhora prometeu que a vitória chegará.”

Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão