Outubro de 2012
Sem conserto
Correspondência

 

Era de vidro e se quebrou...

         Realmente, um dos acontecimentos que mais marcaram o ano de 2012 foi o julgamento dos mensaleiros petistas no Supremo Tribunal Federal. O PT queria passar a imagem de um partido ilibado, sobretudo o seu fundador, que nunca sabe dos erros cometidos e sempre esquece as provas evidentes de corrupção de seus partidários. Mas os petistas não se corrigem nunca, querem criar a ideia de que não são passíveis de erros. Poderão estar atrás das grades, com condenações super comprovadas, e continuarão a dizer que são “inocentes”. Será que em 2013 teremos tal imagem quebrada? Espero que sim, e possamos chegar ao fim do ano dizendo: “O que era de vidro se quebrou”. E ainda bem...

(M.A.W. — GO)

 

Bússola em meio à Babel atual

         Neste Brasil-Torre-de-Babel, desgovernado como está, esta revista é para mim e minha família a tábua de salvação. Nela encontramos a bússola para podermos caminhar no meio da confusão atual. Com a proteção da Virgem poderemos continuar de pé, como a imagem d’Ela ficou de pé mesmo após o furacão Sandy nos Estados Unidos. Imagem que ficará para sempre na memória de 2012. Um grande Novo Ano para a equipe dessa maravilhosa revista.

(A.E.J. — MG)

 

Babel europeia

         A respeito da análise retrospectiva dos fatos na (des)União Europeia, tinha anotado o que a ex-primeira ministra inglesa, Margaret Thatcher, disse: “O socialismo dura até acabar o dinheiro dos outros”; e também que “É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade”. Justamente é o que está acontecendo na Europa e em diversos outros países governados por socialistas, inclusive em nosso País. A crise europeia é uma “Krise” tão grande que, segundo um amigo, poder-se-ia escrever com “K” maiúsculo... Como é que a Alemanha rica vai sustentar o sistema socialista que vigora em tantas nações europeias? Não há solução, caso os acontecimentos continuarem nesse rumo. A quebradeira, o desemprego e o empobrecimento se tornarão gerais, a não ser que se retorne à Europa anterior ao “euro”. Em minha opinião, a solução seria a volta do sistema de cada nação manter sua autonomia, com suas próprias iniciativas, com políticas econômicas próprias, sem interferências e tutela do comando único e socializante da União Europeia.

(J.G.T. — SP)

 

Coma-andantes...

         O autor do artigo sobre o balanço do ano de 2012 [Luis Dufaur] acertou muito bem na dosagem dos comentários. Especialmente achei judiciosa a abordagem sobre a América Latina, o Brasil incluso, claro. Agora com o comandante Chávez em Cuba, são dois “coma-andantes”. Um em coma clínico e outro em coma político, ambos perambulando na desditosa ilha dos Castros. Um dos poucos lugares do mundo onde ainda é possível manter a doença de um comandante como “segredo de Estado”, mesmo neste cibernético mundo onde tudo pode ser visto à luz da tela.

(F.A.F. — CE)

 

Muito oportuna entrevista

         Para mim foi muito útil a leitura da entrevista do coronel Plazas Vega para a revista Catolicismo. Um herói que não se vergou, mesmo ameaçado pelas esquerdas. Um exemplo para o Brasil e, por isso, deveria ser mais divulgada aqui. É indignante ver que na Colômbia, como disse o coronel, haja terroristas soltos e nos mais altos cargos, enquanto heróis colombianos estão detidos.

(P.D.M. — RJ)

 

Crise sem precedentes no ensino

         Quero transmitir meus parabéns ao abade do Mosteiro de São Bento da cidade de São Paulo, Dom Mathias Tolentino Braga, pelos esclarecimentos sobre nossas escolas, imersas numa crise sem precedentes. Mas não podemos cruzar os braços, temos esperança na restauração do ensino baseado nos valores cristãos. Sou professor de escola pública e assino tudo o que o Sr. abade afirmou corajosamente na palestra para o Instituto Plinio Corrêa de Oliveira. Infelizmente, não pude comparecer ao evento em São Paulo, pois tinha um compromisso inadiável em minha cidade. Mas à próxima palestra espero poder assistir.

(H.G. — PR)

 

Auxilio no bom combate

O conteúdo dos textos das edições da revista Catolicismo muito me auxiliam em minha luta diária. Agradeço-lhes por todos os conhecimentos e benefícios que proporcionam aos leitores em 2012. Que Deus continue a abençoar vocês neste novo ano.

(M.O.L.P. — MG)

 

Precaução a certos sermões

         Infelizmente temos vistos padres católicos, que melhor seria nomeá-los de “caóticos”, defenderem pontos de vista contrários ao ensinamento da Igreja. No caso do padre colombiano, não se trata apenas de um ponto de vista errado. Ele defende diretamente uma heresia, propugnando uma doutrina que nega o dogma da Igreja: o da virgindade da Mãe de Deus. O que não entendo é como tais padres, como os da chamada “teologia da libertação”, continuam pregando livremente em nossas igrejas. Em relação a eles precisamos nos precaver.

 (L.A. — BA)

 

Tradições católicas

Assim como os indígenas lutam para preservar seus costumes, alguns deles até mesmo antinaturais, por que nós católicos deixaremos as nossas verdadeiras e sagradas tradições? Elas ficarão apenas nas lembranças? Lutemos gente, para que elas jamais desapareçam.

 (C.M. — AM)

 

 

Rejeição e reparação

Com o ultraje a Maria, com a pintura sacrílega no museu de Londres, os corações dos devotos de Nossa Senhora sentem uma imensa dor. Pode-se imaginar o Coração Imaculado de Maria e o Coração Divino de Nosso Senhor sendo ultrajados e não manifestarmos nossa veemente rejeição e intensa reparação? Rezar o Santo Rosário para reparar esta ofensa e difundir na medida do possível esta notícia a todos os católicos é nosso dever de filhos. Maria, Virgem Santa, nós vos veneramos!

(E.M.S.F. — AM)

 

Cremação: posição da Igreja

Gostei muito da resposta, esclarecendo a posição da Igreja quanto à proibição da cremação dos corpos, pois esclareceu minha dúvida. Tinha lido uma matéria no site IG, comentando a missa de sétimo dia de um ator, tendo o jornalista afirmado que o padre estava errado em rezar a missa, já que o corpo foi cremado e a Igreja não aconselha tal prática.

(P.F. — RJ)

 

Magnificat

Que coisa linda que acabo de ler! Como mariana de coração, fiquei emocionada ao encontrar tanto esclarecimento nesse site da revista católica. Estou maravilhada. (“A minha alma engrandece ao Senhor, e se alegrou o meu espírito em DEUS MEU SALVADOR”).

(S.S. — RN)

 

Falsa emancipação da mulher

Sou estudante e gostei bastante da reportagem a respeito do que ensina a Igreja sobre a desigualdade dos sexos, equiparação de direitos, independência econômica, insubordinação ao jugo do marido. Algumas exigências do chamado feminismo, que, pleiteando uma falsa emancipação da mulher, na verdade a desfavorece.

(D.S.O. — MG)

 

Importância da hagiografia

Aproveito muito as leituras sobre vidas de santos. Conto-lhes que, quando tinha meus 13 anos, dei entrada no hospital de Beja Alentejo com clavícula fraturada, sendo me oferecida na ocasião uma foto de São Domingos Sávio. E hoje, com 60 anos, continua comigo e tem-me ajudado bastante. A ele aqui deixo o meu testemunho.

(A.M. — Portugal)

 

 

FRASES

Selecionadas

“Deus não está presente na agitação”

(III Livro dos Reis, 19, 11)

“Se uma alma está aflita ou atribulada, pronuncie o nome de Jesus que logo a tempestade fugirá e voltará a paz”

(São Bernardo)

“Se queres a paz, prepara-te para a guerra”

(Provérbio latino)

“A causa da paz é um bem, um altíssimo bem. Não, porém, um bem supremo. E se o preço dela é a inércia ante a investida comunista, mais vale a pena lutar”

(Plinio Corrêa de Oliveira)