Fevereiro de 2000
Cães e mascotes poderão superar bebês no século XXI
Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão
A Realidade Concisamente

Cães e mascotes poderão superar bêbes no século XXI

N
o século XXI, o número de nascimentos cairá de forma tão drástica que a população mundial estagnará depois de 2035, de acordo com a previsão de alguns futuristas. Mas se a diminuição do número de crianças poderá reduzir a pressão sobre os recursos alimentares, outra fome estará crescendo: a dos cães, pôneis e outros animais que estão substituindo as crianças em muitos lares. Essa substituição alimentar dos bebês pelos mascotes é uma das previsões feitas para o século XXI na “edição do milênio” da revista “Future”.

Ou se restaura a instituição natural da família, cujo fim primordial é a perpetuação da espécie e a educação da prole, ou o gênero humano tornar-se-á, dentro de algum tempo, uma criatura de Deus em extinção. E tal extinção, de si, será um terrível castigo divino para essa pecaminosa e abismal inversão de valores.

* * *

Estado socialista num país dito capitalista...

Da riqueza que as empresas brasileiras conseguem gerar, o FISCO abocanha uma fatia sete vezes maior do que aquela destinada, na forma de remuneração de capital próprio, aos donos ou acionistas do empreendimento. Isso torna o Estado brasileiro, de longe, o maior sócio das empresas nacionais.

É um sócio que tem sobre os verdadeiros empreendedores uma vantagem insuperável: não investe, não precisa disputar mercados, não enfrenta crises, não corre risco. Apenas arrecada. Essa é a conclusão do levantamento feito pelo Prof. Ariovaldo dos Santos, da Faculdade de Economia e Administração (FEA) da USP. O governo leva 43,3% do valor adicionado pelas empresas.

Suportar esse incômodo sócio está se transformando num ônus quase insuportável para as empresas do País neste período da chamada abertura econômica e internacionalização dos mercados, que exige cada vez maior competitividade e agilidade.

* * *

Brasil – potência agrícola, apesar de tudo

O
Brasil espera colher safra recorde de 83,44 milhões de toneladas de grãos no ano agrícola 1999/2000. A previsão, divulgada pela Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), representa crescimento de 1,2% em comparação com a safra passada. É o terceiro ano consecutivo de aumento da produção brasileira de grãos.

O PIB agrícola crescerá 6% no referido ano agrícola, segundo o Ministro da Agricultura Pratini de Moraes. “O setor foi fundamental para manter o nível de atividade econômica e ajudará o País a atingir 0,5% de crescimento estimado para o PIB este ano”.

Tudo isso, apesar das criminosas invasões do MST, das confiscatórias desapropriações da Reforma Agrária, e da política de preços do Governo que desestimula o agricultor.

* * *

AIDS – a devastação cresce

À guisa de amostragem, eis alguns títulos de notícias publicadas em diversos jornais brasileiros, referentes à AIDS:

HIV triplica entre mulheres.

Órfãos da AIDS já são 11 milhões.

AIDS contamina 8,5 mil pessoas por dia.

AIDS matará 2,6 milhões este ano.

Elas pipocam como fogos de artifício, só que, ao invés de mostrarem algo de belo e maravilhoso, espargem uma luz negra. E nos dão a conhecer o progresso dessa epidemia horripilante, que se alastra de forma avassaladora e irresistível, em âmbito universal. Chaga que é principalmente fruto da devassidão moral de uma sociedade que virou as costas a Deus e a seus Mandamentos, contaminando inclusive vítimas inocentes, como são os recém-nascidos.

* * *

A “estratégica” renúncia de Yeltsin...

Vladimir Putin, ex-funcionário da KGB
“V
ladimir, o terrível, até onde irá Vladimir Putin, delfim de Boris Yeltsin e novo homem-forte da Rússia?”

Nesses termos, a revista parisiense “L’Express”, de 22 de dezembro último, inicia seu artigo de capa referente à ascensão do antigo funcionário da KGB (polícia do Partido Comunista Soviético) ao posto de Primeiro-ministro da Rússia.

Sem o menor pudor, Yeltsin havia afastado anteriormente o Primeiro-ministro Stepachin e nomeado Putin para o cargo. Com que objetivo? Ao que tudo indica, para evitar que ele – Yeltsin e sua família – fossem parar na cadeia...

Dessa forma surpreendente para o mundo ocidental, no dia 31 de dezembro, Yeltsin – que nesse dia estava sóbrio – anunciou sua renúncia à Presidência, pois desejava que Putin, o terrível, lhe sucedesse.

Segundo o jornalista francês, Gilles Lapouge, “todas essas pessoas que, com Yeltsin, mergulharam nos cofres do Estado, desviaram bilhões de dólares com cumplicidade da máfia, estavam em verdadeiro pânico” antes da subida de Putin.

Assim, em conseqüência de acordos políticos, a primeira medida do novo Presidente foi conceder imunidade penal vitalícia a Yeltsin e sua família, mediante decreto que lhes dão amplas garantias: o ex-Presidente e familiares não poderão ser processados, nem presos ou interrogados.

Como dizem os franceses: “Plus ça change, plus c’est la même chose”. Quanto mais a Rússia muda (mantendo entretanto no Poder os egressos do comunismo!), mais ela é sempre a mesma...

* * *

Pedida canonização de mártires cubanos

U
m grupo de desterrados cubanos entregou, no final do ano passado, carta a João Paulo II, na qual pedem ao Pontífice a canonização de cubanos martirizados pelo regime comunista de Fidel Castro. Na foto alguns dos desterrados cubanos segurando uma faixa, na Praça de São Pedro, em Roma, com os dizeres: Santo Padre resgatai do esquecimento os mártires cubanos, vítimas do comunismo. Na mesma faixa, à esquerda, figura um desenho em que aparece a Virgem do Cobre, Padroeira de Cuba, e abaixo, um barco evocando a trágica epopéia dos balseros, que arriscam a vida para fugir do “Paraíso” castrista...

* * *

BREVES RELIGIOSAS

Beatificação dos 30 mártires brasileiros

No próximo dia 5 de março, João Paulo II beatificará os 30 mártires brasileiros assassinados no século XVII por indígenas incitados por holandeses calvinistas no Estado do Rio Grande do Norte. A cerimônia se dará na Praça de São Pedro – no Vaticano – como marco do V centenário da Evangelização do Brasil.

* * *

Escultura baseada no Santo Sudário

Um escultor italiano confeccionou em bronze uma nova imagem de Nosso Senhor Jesus Cristo, inteiramente baseada nas impressões deixadas pelo Corpo de nosso Divino Redentor no Santo Sudário de Turim. A obra – que já está exposta aos fiéis a partir de 9 de janeiro último, na Basílica de Bolonha (Itália) – apresenta as mesmas dimensões do Sagrado Corpo, em tamanho natural.

* * *

Santuário de Guadalupe: 7 milhões de visitantes

O
Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe, no México, cuja festa se comemora em 12 de dezembro, foi palco do maior afluxo de peregrinos durante o ano de 1999. Mais de 7 milhões de fiéis o visitaram para homenagear a Padroeira da América Latina.

Comente
Leia os comentários
Envie para amigos
Versao para impressão